"eu, sorrisando, deslizo "

na estrênua brevidade
Vida:
realejos e abril
treva,amigos
 
eu me lanço rindo.
Nas tintas fio-de-cabelo
da aurora amarela,
no ocaso colorido de mulheres
 
eu sorrisando
deslizo.   Eu
na grande viagem escarlate
nado,dizendomente;
 
(Você sabe?) o
sim, mundo
é provavelmente feito
de rosas & alô:
 
(de atélogos e,cinzas)
 
  E. E. Cummings
( tradução : Augusto de Campos)




    " verte o riso de pupila em pupila"
 
A todos vocês,
que eu amei e que eu amo,
ícones guardados num coração-caverna,
como quem num banquete ergue a taça e celebra,
repleto de versos levanto meu crânio.
 
Penso, mais de uma vez:
seria melhor talvez
pôr-me o ponto final de um balaço.
Em todo caso
eu
hoje vou dar meu concerto de adeus.
 
Memória!
Convoca aos salões do cérebro
um renque inumerável de amadas.
Verte o riso de pupila em pupila,
veste a noite de núpcias passadas.
De corpo a corpo verta a alegria.
esta noite ficará na História.
Hoje executarei meus versos
na flauta de minhas próprias vértebras.
 
Vladimir Maiakóvski
(tradução:  Haroldo de Campos e Boris Schnaiderman)
( poemas enviados por email por Lau Siqueira. Lau é um mestre. Seu blog sempre tem coisas legais . Lau Siqueira - http://lausiqueira.blogger.com.br )


Escrito por Touché às 20h05
[] [envie esta mensagem] []



"O silêncio que habita em mim, não significa paz e tranquilidade, mas sim - a total ausência de coisas novas para serem ditas!" (texto roubado do blog da Denise - Msg prá vc-http://www.msg2u.blog-se.com.br )
 

" sorriso tímido, atrevido "..
 
meu rosto vivaz, inexpressivo
lágrimas leves, espessas
olhos atentos, cegos
sorriso tímido, atrevido
amor  vulcânico, platônico
espelho invisível, reflexivo
eu louca, atônita
 
seus lábios trêmulos, anestesiados
sensação de alívio, de torpor
grito estridente, rouco
olhar  vidrado, ausente
amor prisioneiro, livre
imagem viva, opaca
você vai, vem
 
nossas mãos dadas, isoladas
pés descalços, encobertos
pensamento lento, rápido
corpos ardentes, cadavéricos
alma gêmea, ímpar
boca santa, profana
espelho meu, seu
 
Rozana Gastaldi Cominal,
Contato :e-mail:
rcominal@vivax.com.br.
fone: (019)3387-1816 - Endereço: Rua José Paulino da Silva, 24
 Jardim Santa Isabel -13.185-251 – Hortolândia - SP
Professora de Língua Portuguesa . Alguns de seus poemas  circulam pela net.Participou da VII  Coletânea de Poesias Komedi. Já divulguei um poema da Rozana por aqui. Esse poema também está no delicioso blog da Adriana Zaparolli - http://zeniteblog.zip.net




"... partes de mim espalhadas em cada olhar,cada sorriso..."
 
( poema crônica)
 
O pé não transpõe o degrau da soleira da porta.
Ir agora ou daqui a pouco ou mais tarde
não modifica o sentido do caminho, da estrada.
 
Ao atravessar a porta e tomar o sentido da rua
deixo cá dentro partes de mim.
 
Partes de mim espalhadas em cada olhar, cada sorriso,
cada desejo contido, camuflado.
 
Cada teco de história, cada canto;
um tanto de mim. em cada um.
 
Um tanto de mim em amor, em vontades, em sonhos,
em cada solidão, na solidão de cada um.
 
Deixo-me em tijolos, em cimentos, em pedras, em madeiras,
em flores, em eletrodomésticos, em lâmpadas, em paredes,
na lareira, nas redes, no sino, no portão, no muro,
no escuro; mas não na escuridão.
 
Deixo-me em cada momento de construção,
em cada coisa que construí,
Assim é que ficam tantos pedaços de mim.
 


Escrito por Touché às 20h08
[] [envie esta mensagem] []



" para colorir e sorrir.."
 
You  don't  know  me
 
...e tb não procura
 
porque meu olhar te incomoda
e minhas palavras são tolas
porque acha q sou
como todas as outras
 
você não me conhece
não chora minhas lágrimas
não divide suas angústias
e nem os meus calmantes
 
eu sou a minha música
e o que ela representa
sou feita de melodias suaves e elaboradas
sobre uma harmoniosa simplicidade
e diversidade nos arranjos
 
elementos que se sucedem incessantes
para colorir e sorrir
e acompanhar
 
gosto de sorrir, sabia?
sou uma amiga fiel
gosto de detalhes, de emoção
de momentos românticos e piegas
em meio a um bom e escrachado humor...
 
não me dou bem com palavras desmedidas
com "in" diretas ou mágoas
desnecessárias
 
a minha verdade está no meu olhar
no meu sentimento
no meu canto
na minha alma
 

O seu sorriso
é o alimento
que os meus lábios
adoram saborear ..
 
Ziney Santos Moreira
( do livro "Momentos")
Rua Prudente de Morais, 1250 / 73  - Ribeirão Preto - SP - Cep 14015-100
Blog Dez Minutos -
http://dezminutos.zip.net


Escrito por Touché às 19h22
[] [envie esta mensagem] []



" Sem sombra de dúvida ;
Por mais q o q está à nossa volta não seja favorável àquilo q gostaríamos q fosse, nós somos exatamente o q escolhemos ser. A cada minuto uma ação ou opinião pode mudar o rumo, mas a escolha é nossa. As únicas pessoas q devemos agradar ou prejudicar com os nossos atos somos nós mesmos. Se houvesse um senso crítico um pouco mais aguçado nas pessoas sobre suas próprias atitudes haveria muito mais respeito entre todos. Que fique claro q o egoísmo está muito longe disso. Se apenas tratarmos os outros como esperamos ser tratados o respeito já está instaurado. Quando reclamamos q a vida está diferente do q deveria, provavelmente é por alguma escolha q fizemos em algum momento anterior." ( roubado do blog da Olívia -
http://oliviadeperto.zip.net)



  " sorrisos que aquecem nossos dias"..
 
Alegria, tanto quanto couber em seu coração.
Abundância de sorrisos.
Paciência com os seres amados de sua vida e com os defeitos.
Dias vividos que confortam você e que prometem dias melhores.
Fé em si mesmo e em seus objetivos.
Responder a sorrisos que aquecem nossos dias.
Abraços carinhosos que nos mantêm firmes,
no momentos de lágrimas.
Sonhos que nos levam adiante
e que nos ajudam a crescer.
Aceitação quando falhamos.
Determinação em tentar novamente.
Coragem para continuar quando se tem medo.
Calor, quando há frio.
Uma estrela, quando a noite é escura.
As asas de uma borboleta.
O coração de um passáro cantor.
E, sempre um arco-íris depois da tempestade.
 
Babi Akylla
do Blog  Vivendo Com a Vida - Acreditar é Realizar
http://www.babiakylla.weblogger.terra.com.br

( Babi é uma artista de Guarulhos. Ganhou o prêmio da poetisa mais querida de Guarulhos, pelos leitores do jornal Folhetinho )



" e a sorrir e a gemer e soluçando"
 
Partes um dia das Curiosidades
Do teu ser singular, partes em busca
De almas irmãs, cujo esplendor ofusca
As celestes, divinas claridades.
 
Rasgas terras e céus, imensidades,
Dos perigos da Vida a vaga brusca,
Queima-te o sol que na Amplidão corusca
E consola-te a lua das saudades.
 
Andas por toda a parte, em toda a parte
A sedução das almas a falar-te,
Como da Terra luminosos marcos.
 
E a sorrir e a gemer e soluçando
Ah! Sempre em busca de almas vais andando
Mas em vez delas encontrando charcos!
 


Escrito por Touché às 20h38
[] [envie esta mensagem] []



 
 E I A M I G O S
PARTE DOIS

Mais alguns poemas e endereços da imprensa alternativa do folheto poético LEIAMIGOS, editado pela
jornalista e escritora carioca Denise Teixeira Vianna. O LEIA edita poemas e endereços de publicações culturais dos mais diversos estilos e já está na sua 424ª edição, em 22 anos. Foi agraciado com o Prêmio Capital 2001 de Divulgação Alternativa . Denise tem também um site,onde divulga seus premiados poemas e de outros autores.
LEIAMIGOS - amigos,alternativos e poesia - Edição : Denise Teixeira Viana - Caixa Postal 11052 - Rio
de Janeiro/ RJ - CEP 20236-970 - denisetviana@terra.com.br - http://www.deniseteixeiraviana.com
 
  

    
   
A GUIA DA ANGÚSTIA
 
A linha mestra da unha
imita a águia
do fio na agulha,
guia dor e água
que não se diluem,
mas finge reta a curva
como um laço
em que a palavra é mestra do aço.
Veneno verde e rubro,
antigo azinhavre e vinho
sóbria estanco,
e do tamanco do coração
engulo o coice:
agulha deglutindo o frio
rente ao papel rouco,
unha na pena, dor ou máquina
desenlouqueço
de insolação.
 
eLiSaBeTh vEiGa
Rio de Janeiro/RJ

Meus baús exalam
sândalo e madressilvas
enquanto cedro
vivo
 
tErTuLiAnO C. nEtO
Blogup - http://tertu1.blog.uol.com.br/



 
 
GESTAÇÃO
 
Vi as uvas
e as vulvas vivas
em meio ao vórtice
(e aos vértices)
das vozes.
 
Ouvi os uivos
das covas e das raivas
no avesso ruivo do vinho:
e a voz vermelha de Estela
era uma vela em vômito
acesa e vísceras.
 
Era tão belo o flagelo
tão paralela a pantera
que os ecos riscavam os mares
e a tarde pálida arcava
ao peso obeso dos bares.
 
Berrava a Berta na noite
se ouviram açoites e galos
gemidos garras estalos:
tomaste estrelas e grelos
no gargalo.
 
 
 
  LEIAMIGOS - amigos,alternativos e poesia - Edição : Denise Teixeira Viana - Caixa Postal 11052 - Rio de Janeiro/ RJ - CEP 20236-970 - denisetviana@terra.com.br - http://www.deniseteixeiraviana.com


Escrito por Touché às 21h10
[] [envie esta mensagem] []



CONCURSOS LITERÁRIOS
 
Estou divulgando o regulamento do Concurso de Poesias da Cidade de Carlinda, MT . Nos comentários deste blog, o poeta Luiz Alberto Machado deixou algumas informações sobre concursos literários :
" LUIZ ALBERTO MACHADO][lualma@terra.com.br][http://www.luizalbertomachado.com.br]
Se quiser mais dicas de concurso vai lá no tópico "Informações Gerais" do Fórum ou no
VMD/Nascente do Varejo Sortido que tem um bocado de dicas. o Fórum que eu falo é o Fórum do
Guia de Poesia que é só acessar minha página para ter acesso."  Luiz Alberto está linkado aqui . É
dele o excelente blog Ela Nua É Linda - http://bloguerotico.weblogger.terra.com.br.
 
1º  CONCURSO DE POESIAS CIDADE DE CARLINDA
Promoção da Prefeitura Municipal de Carlinda-MT, Departamento de Cultura e Conselho
Municipal de Cultura -  Prazo de inscrição : 30 de junho de 2005.
Tema Livre.
1 -Poderão participar poetas brasileiros ou não, desde que os trabalhos sejam apresentados em
língua portuguesa.
2-Cada participante poderá concorrer com apenas um trabalho inédito, com no máximo 30 linhas
3-A poesia deverá ser datilografada ou digitada em papel sulíite A4, em três vias,  apenas de um
lado da folha, contendo o título e o pseudônimo do autor
4-Um envelope maior deverá trazer do lado de fora o titulo do trabalho e o pseudônimo do autor,
dentro deste, um envelope menor contendo a ficha de inscrição, telefone para contato, e-mail (se tiver) e curriculo literário resumido com no máximo 1O linhas
5-Os trabalhos deverão ser entregues ou enviados pelo correio, para o seguinte endereço :Concurso
de Poesia Cidade de Carinda, Departamento de Cultura, Av. Tancredo Neves ,680  Carlinda-MT - CEP 78. 587-000
6-Prazo de inscrição ate 30 /06/ 2005 (valerá o carimbo de postagem como comprovante da data de inscrição)
7-O Departamento de Cultura e o Conselho Municipal de Cultura de Carlinda-NT indicarão entre seus
membros,uma comíssão julgadora de reconhecida capacidade intelectual, cuja decisão será
irrevogável.
8—Estão impedidos de participar membros do conselho e funcionários do Departamento de Cultura.
9-Serão premiados dez trabalhos, cabendo aos três primeiros colocados: troféu, diploma e
participação gratuita na antologia.  Do 4º ao 10º colocado, receberão  diplomas de menções
honrosas. Os demais autores classificados, serão convidados a participar da edição da antologia, em regime de coopetatlva. Poderá haver ainda menções especiais a critério da comissão julgadora. Os prêmios serão entregues em sessão solene em data e horário que serão divulgados posteriormente.
10-Casos de plágio comprovados são de inteira responsahlidade do concorrente, sendo este
automaticamente excluido da seleção, com as sanções cabíveis.
II -Os concorrentes classificados serão notificados, atraxés de correspondência pessoal, sobre o
resultado do concurso que estara disponível nos sites www.nortaoja.com br e
www.editoraegm.com.br, a partir de Setembro de 2005
12-O simples envio da poesia implica a aceitação total deste regulamento
13-Os trabalhos enviados não serão devolvidos.
 
Constará da Ficha de Inscrição : Nome do Autor , Pseudônimo , Título da Poesia, Endereço, Cidade,Telefone , E-mail , Breve curriculo literário (Máximo de dez linhas)
 
PREFEITURA MUNICIPAL DE CARLINDA -MT, Departamento de Cultura e Conselho Municipal de Cultura - Av. Tancredo Neves ,680  Carlinda-MT - CEP 78. 587-000 - Fone : 66.525 .122 -
( enviado por Valter Figueira - Caixa Postal 45 - Cep 78587-000 - Carlinda - MT )


Escrito por Touché às 20h14
[] [envie esta mensagem] []



 
LEIAMIGOS

Na mensagem de hoje publico alguns poemas do folheto poético LEIAMIGOS, editado pela jornalista e
escritora carioca Denise Teixeira Vianna. O LEIA edita poemas e endereços de publicações culturais dos mais diversos estilos e já está na sua 424ª edição, em 22 anos. Foi agraciado com o Prêmio Capital 2001 de Divulgação Alternativa . Denise tem também um site,onde divulga seus premiados poemas e de outros autores.
LEIAMIGOS - amigos,alternativos e poesia - Edição : Denise Teixeira Viana - Caixa Postal 11052 - Rio
de Janeiro/ RJ - CEP 20236-970 - denisetviana@terra.com.br - http://www.deniseteixeiraviana.com

levitando
 
na órbita
do teu olho
eu transgrido
as leis
da gravidade
 
lau siqueira

 
traços
 
nos traços de nós
quadris bis de pomada
polvilho
acerto de amigo afilhado
refilho
 
te filiar em mim
dialeto projeto de romance
e jardim
te ligar em mim
consciência de frescura
jasmim jura
te associar ao analista
conquistas afins de hálitos e
ouvidos
cumpridos de jóias
baixelas florins
 

aperte meus seios
parta o véu do mistério
uma flor  ali  floresce,
vermelha e fragrante
 
yosano akiko 

 
Endereços de algumas publicações alternativas indicadas por Denise :
 
CORREIO DE POESIA -jornal literário - Editor: Luiz Fernandes da Silva - Rua Dr. José Maia. 31 - Cidade do Funcionário 1 - 58078-100— JOÃO PESSOA /PARAIBA
 
SPY ZINE - A/C Anderson - Rua Rio Grande do Sul, 995 - Nossa Senhora Aparecida - 85601-050 - FRANCISCO BELTRÃO - PARANÁ
 
TOM ZINE, zine gay,poético,político,profano, lésbico - Editor : Amirton Santos - Rua Antônio Alves Benjamin. 124 - 39840-000 — FREI GASPAR/MINAS GERAIS
 
LITERATURA, POESIA. COMUNICACÃO- coluna literária no jornal O Radar - A/C Rosemarv Lopes Pereira - Caixa Postal 601 - 86800-700 — APUCARANA - PARANÁ
 
O CAPITAL, jornal de resistência ao ordinário - Editora - Ilma Fontes - Avenida Ivo do Prado. 948— Centro - 49015070 - ARACAJÚ- SERGIPE
 
QUADRINHOS INDEPENDENTES, catálogo de Ql’s, forum de debates - Editor: Edgard Guimarães - Rua Capitão Gomes, 168 - 37530-000 — BRASÓPOLIS/MINAS GERAIS

LEIAMIGOS - amigos,alternativos e poesia - Edição : Denise Teixeira Viana - Caixa Postal 11052 - Rio
de Janeiro/ RJ - CEP 20236-970 - denisetviana@terra.com.br - http://www.deniseteixeiraviana.com


Escrito por Touché às 19h32
[] [envie esta mensagem] []



"... ainda volto a lhe escrever .."
 
Já conheço os passos dessa estrada
Sei que não vai dar em nada
Seus segredos sei de cor
 
Já conheço as pedras do caminho
E sei também que ali sozinho
Eu vou ficar tanto pior

O que é que eu posso contra o encanto
Desse amor que eu nego tanto
Evito tanto E que no entanto
Volta sempre a enfeitiçar
Com seus mesmos tristes, velhos fatos
Que num álbum de retratos
Eu teimo em colecionar
 
Lá vou eu de novo como um tolo
Procurar o desconsolo
Que cansei de conhecer

Novos dias tristes, noites claras
Versos, cartas, minha cara
Ainda volto a lhe escrever
Pra lhe dizer que isso é pecado
Eu trago o peito tão marcado
De lembranças do passado
E você sabe a razão

Vou colecionar mais um soneto
Outro retrato em branco e preto
A maltratar meu coração
 
Tom Jobim e Chico Buarque



 
"Escrevo pra viajar pra tão longe e tão perto.."
 
 
Escrevo;
Pra afastar o que me corroe...
Pra me levar da realidade,
dando – me o compasso da fantasia.
Quero elevar a minha alma,
girar em torno da curvatura
da redoma similar...
E depois voltar.
 
Escrevo;
Pra lembrar e poder chorar
toda essa angustia.
Essa face sedenta,
que grita no vago estreito do vale.
 
Precisa sentir, depois tocar;
amar , decepcionar-se e depois morrer.
 
Só o que restou foi saudades,
um sentimento vazio e confuso,
de quando eu vivia.
Porque devemos nos arrepender dos nossos atos?
Ou da ausência deles ?
Quero o mundo que é tão belo
nos meus desejos...
E não poderia...
 
Então escrevo,
Pra viajar pra tão longe e tão perto,
quanto minha mente cansada possa ir.
 
Escrevo;
E estas palavras me privam do sono.
Escrevo;
E este mal talvez nunca acabe.
 
Renato Gonçalves
Blog Últimos Versos Humanus - Um Diário Psicodélico de Conversas Produtivas
http://ultimosversoshumanus.zip.net - Imagem : Writer's Desk I , de Joaquim Mateo.
 
Renato Gonçalves também é um poeta de Guarulhos. Sobre esse poema, Renato diz : "Já me perguntaram uma vez: "__ Renato; por que você escreve tanto?".. não tive resposta, pelo menos não àquela hora (incrível como não conseguimos responder como deveríamos ou poderíamos na hora certa em que as coisas acontecem).. depois pensando , também acabei por me perguntar meus motivos...".


Escrito por Touché às 20h47
[] [envie esta mensagem] []



[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]





Meu perfil
BRASIL, Sudeste, GUARULHOS, VILA AUGUSTA, Homem, Portuguese, Arte e cultura, Músicatouche.sp@uol.com.br


Histórico
    Votação
    Dê uma nota para meu blog


    Outros sites
    A Cigarra
    A APRENDIZ ..
    ANA
    Antonio - Meu outtro blog
    Adriana Zapparolli -Zenite-
    Ady Cavalcante - BrevesHistóriasCotidianas
    BETHO SIDES
    Bar do Escritor
    Blocos On Line - literatura
    CHICO BRITO/GUARULHOS
    CATHIAHO. SONHOS E DELIRIOS
    CHUVINHA
    Denise - MsgPráVc
    Claúdio Daniel - CantarAPeleDeLontra
    Denise Teixeira Viana
    Doroteia
    ÉRICO
    EVERALDO YGOR
    Eliane 3
    Eliane Alcantara 2
    Everi Carrara - TelescópioNegro
    Flávio Machado - DomínioPúblico
    INFETO
    Guia de Guarulhos
    Gildemar Pontes - Pão&PoesiaNaTerraDoSempre
    LAERÇON
    JEANINE WIL - BLOG CAMINHÃO DE MUDANÇA
    Juraci - Cenas&Fatos
    Lali-CoisasDaLali
    Lau Siqueira - PoesiaSim
    LI -PedraBrasileira
    Linaldo Guedes - ZumbiEscutandoBlues
    Louise Tomassi - RasgosDeMim
    Luiz Alberto Machado - ElaNuaÉLinda
    MARCELO
    MARCELO NOGAL
    Magriça , poesias e escritos
    Maísa -Pupila 2
    Márcia Maia - TábuaDeMarés
    Marisol -- ArtsEmGifsAssinaturasAnimadas
    Marisol- - - AssinaturasAnimadasII
    Mário Cézar - FacaDeFogo
    Mariza Lourenço - ProseandoComMariza
    MARTA-Minhas Idéias
    Miriam -MeuPorto
    Moacir Caetano
    NAENO
    Nel Meirelles - Fala Poética
    Olívia
    PAULO VIGU-Rio Daqui
    Poesia e Outras Bobagens
    Poetizando
    RADAR NOTICIAS - GUARULHOS
    Renato - UltimosVersosHumanus
    Pupila- OlharesDaPoesia
    SONIA_POESIA E VINHO TINTO
    Tertu - BlogUp
    VALÉRIA C
    Vanna - ReflexõeseOpiniões
    VINICIUS GONÇALVES DE ANDRADE
    Zandali - MundinhoDaZandali
    ZEZINHO FRANÇA - GUARULHOS
    Ziney - DezMinutos
    UOL
    UOL SITES






    Dicas para Blogs




    var linkwithin_site_id = 1316139; Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

    Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...